O centenário Clube Desportivo de Beja anunciou no seu site a abertura de uma nova modalidade no clube.

Falamos de Teqball, modalidade que se encontra em franco crescimento em todo o mundo, e que conta desde o presente ano com a Federação Portuguesa de Teqball.

O CD Beja é o primeiro clube do distrito de Beja a entrar na modalidade, que foi inventada no ano de 2014, na Hungria, por dois entusiastas do futebol, Gábor Borsányi, antigo futebolista profissional e Viktor Huszár, cientista computacional.

Joga-se com uma bola de futebol numa mesa similar à do ténis de mesa, sendo que o tampo é curvo e a rede rígida. Pode ser jogado em Singles ou Doubles, devendo cada jogador/dupla colocar a bola na mesa, do outro lado da rede, tocando-a um máximo de 3 vezes, com qualquer parte do corpo à excepção dos braços.

Já entrou em mais de 100 países e está numa fase explosiva da sua expansão e crescimento enquanto modalidade desportiva, sendo o objectivo tornar-se em modalidade olímpica.

A nível internacional é representado pela FITEQ – Fédération Internationale de Teqball e em Portugal pela Federação Teqball Portugal.

Ao nível das competições, já existem competições nacionais em vários países e já se realizaram diversos eventos internacionais, nomeadamente, os mundiais de 2017, na Hungria, e de 2018, na França. Em Portugal, as primeiras competições nacionais terão o seu início já em 2020, pelo que decorre um programa de expansão da modalidade que engloba a componente de equipamento (mesas) e a componente de formação (treinadores, árbitros e directores técnicos).